O terror tomou conta do município de Novo Repartimento, sudeste do estado, na manhã desta sexta-feira (16), quando uma quadrilha fortemente armada atacou um supermercado e expôs reféns ao perigo, chegando a amarrar pessoas no capô de um carro durante uma fuga desenfreada. Um bandido foi baleado e morreu no desenrolar da tensão.

Segundo a Polícia Militar, eram seis bandidos armados na ação, que fizeram clientes de um supermercado e moradores de uma residência como reféns, durante uma fuga que foi frustrada pela ação da PM.

Tudo começou no meio da manhã, quando a PM recebeu a informação que um grupo estaria escondido em uma residência planejando ações criminosas a serem realizadas no município. No momento do cerco à residência, os suspeitos perceberam a aproximação dos militares e a fuga começou.

Para tentar driblar os policiais, os homens se dividiram: parte do grupo fez clientes de um supermercado reféns e utilizaram as pessoas como escudo para tentar fugir para a localidade de Vila de Cajazeiras, pegando a BR-230 em um veículo Fiat branco que foi roubado de um morador e seguindo na direção de Marabá. A outra parte entrou em uma residência e fez os moradores de reféns. Na fuga, houve confronto e um dos suspeitos foi baleado e morreu. Dois homens foram presos e quatro conseguiram fugir.

Todos os reféns foram liberados após as negociações, mas um deles teria sido ferido por um tiro. Equipes da 23ª Companhia Independente de Polícia Militar (23ª CIPM), do Grupamento Tático Operacional (GTO), do município de Tucuruí, e do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp), estão na região realizando buscas aos suspeitos que conseguiram fugir.

Comments

comments