Moto roubada, mas rastreada, leva dois para cadeia em Parauapebas

Um rastreador instalado em uma motocicleta Biz roubada levou para a cadeia uma dupla de jovens ladrões na madrugada desta quinta-feira (18), por volta de 0h40, em Parauapebas. A Polícia prendeu a dupla após denúncia da vítima. Mateus Silva Sousa, de 20 anos e um adolescente de apenas 16 anos de idade foram apresentados na 20ª Seccional de Polícia Civil em Parauapebas e estão a disposição da justiça.

Uma das vítimas conversou com a reportagem. Ela informa que retornava para a residência localizada no bairro São Lucas II, núcleo VS-10. Quando passava por um local próximo a sua residência, ela afirma ter ouvido barulho de outra motocicleta e de repente, os ocupantes deste veículo a ordenaram que entregasse a Biz.  “Eles mandaram que eu descesse da moto, eu já fui descendo e aí um pessoal que estava em um prédio em frente começaram a gritar, eles ficaram assustados e ainda perguntaram pelo meu celular, respondi que não tinha, então eles montaram na moto e saíram, tirei o celular que estava em meu bolso e informei o ocorrido a para Polícia, mas não observei se eles estavam ou não armados. Através do rastreador que colocamos na moto foi que a encontramos, tomamos providências em fazer o rastreamento e entramos logo em contato com a polícia”, contou a mulher.

Mateus de 20 anos
Menor de 16 anos

O rastreamento da Biz levou os policiais sargento PM R. Filho e soldado PM Leoni até uma residência localizada na rua L, bairro Cidade Jardim. o Militar Leoni informou a imprensa que a viatura recebeu uma ligação informando que, por meio do rastreador, a vítima teria encontrado sua moto que havia sido roubada recentemente. O PM conta que através da coordenada do rastreamento eles chegaram até a moto. “Fomos até​ o local onde a moto estava em posse de um dos acusados dentro da mata, o outro acusado mora na casa em frente onde a moto estava escondida. Entramos na residência dele e lá ele se entregou. Quando chegamos, ele estava escondido embaixo da cama da mãe dele, e no quintal da casa, tinha outra Biz branca sem placa e sem documento, bem como uma Pop, que teria sido usada para cometer o crime. Os veículos e os acusados foram encaminhados a Delegacia para os procedimentos cabíveis.

 

Reportagem de Caetano Silva/ Texto de Vinicios Nogueira

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password