Com a reabertura do Projeto Onça Puma, em Ourilândia do Norte, distante 253 quilômetros de Parauapebas, a mineradora Vale S/A já vai começar a contratar para a grande retomada das operações.

Por conta dessa boa notícia, a empresa vai contratar mulheres para trabalhar na operação de equipamentos móveis e auxiliar de produção, por meio de um processo seletivo.

As candidatas devem ter ensino médio completo e carteira de habilitação B, C ou D , e levar currículo e cópia da habilitação nesta segunda-feira (16), às 9 horas da manhã, no Colégio Pitágoras da cidade.

Sobre a reabertura

A Vale divulgou uma nota informando que o ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu suspender liminar e tutela provisória, determinando o retorno das operações de minas e usina de Onça Puma, localizada em Ourilândia do Norte, sudeste do Pará.

Em junho deste ano, o Tribunal Regional Federal da Primeira Região (TRF1) informou que a Vale desobedecia ordem de paralisar a mineradora. Segundo o Ministério Público Federal (MPF) a multa por descumprimento já ultrapassava R$ 19,5 milhões. Dois dias depois, a Vale paralisou as usinas.

Segundo a Vale, o empreendimento estava com minas paralisadas desde setembro de 2017 e a usina de processamento de níquel parada desde junho deste ano.

A Vale disse ainda que o STF determinou a liberação dos depósitos judiciais aos indígenas Xikrin do Cateté e Kayapó, que estavam bloqueados por decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região em mandado de segurança impetrado pela empresa.

Comments

comments