Preso condenado por estuprar mulher que conheceu na internet

A Polícia Civil prendeu, em cumprimento a mandado de prisão por sentença condenatória, Antônio Coimbra Santos Junior, 36 anos, que foi localizado por policiais civis da Polinter (Serviço de Polícia Interestadual de Buscas e Capturas), quando saía de sua residência hoje (19), no bairro do Umarizal, em Belém.

Guarda municipal aposentado, Antônio identificou-se com outro nome ao ser preso. Com ele, foi encontrada uma carteira de identidade falsa.

Segundo o delegado Raphael Cecim, titular da Polinter, o preso foi condenado pela Justiça à pena de seis anos e quatro meses por crime de estrupo em processo transitado em julgado (que não cabe mais recurso junto à Justiça e assim o réu terá de cumprir a pena).

O crime ocorreu 2013. Na época, o então guarda municipal Antônio Junior foi preso em flagrante acusado do estupro de uma mulher de 27 anos.

As informações apuradas foram de que o então acusado teria marcado um encontro com a vítima, por meio de uma rede social na Internet, para fazer um passeio em pontos turísticos de Belém. Na ocasião, após se encontrarem, ele a levou até sua casa na época, alegando que iria apresentá-la à sua família.

Ao chegar à casa, a mulher foi violentada sexualmente. Vizinhos ouviram os gritos da vítima e acionaram a Polícia Militar que prendeu Antônio Junior. Agora, na condição de condenado, ele vai cumprir a pena no Sistema Penitenciário.

 

 

(Com informações da Polícia Civil)

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password