“Pipoca”, pai e mãe, morrem em grave acidente perto do Estreito (MA)

É com grande pesar que o Papo Carajás informa a morte de José de Moura Pacheco, 55 anos, conhecido carinhosamente por “Pipoca”, ex-motorista da Prefeitura Municipal de Parauapebas, e seus pais, Francisco Antônio Pacheco, 82 anos, e Luzia Maria de Moura Pacheco, 80 anos. Ambos morreram na tarde desta quarta-feira (19), por volta das 14 horas, por conta de um grave acidente ocorrido na BR-010, KM 119, próximo ao município de Estreito (MA).

Pipoca em vida

De acordo com informações colhidas pelo Papo, o veículo GM/Corsa Sedan de cor cinza, dirigido por Pipoca percorria o sentido da BR, Carolina a Estreito, e colidiu de frente com o caminhão baú Mercedes Benz da empresa Amazônia Atacadista de Imperatriz (MA), que trafegava em sentido contrário.

O impacto da colisão foi imensurável, danificando a estrutura do Corsa e matando os ocupantes instantaneamente. Pipoca e os pais ficaram presos em meio ao ferro retorcido e tiveram que ser retirados pelos Bombeiros após um longo trabalho de cortes das ferragens.

Os pais de Pipoca, Luzia e Francisco, também faleceram no grave acidente

A tragédia abalou familiares e amigos das vítimas em Parauapebas. Pipoca era bastante querido em Parauapebas e residia na capital do minério. Morreu, junto aos pais, de forma desastrosa.

A Polícia Rodoviária Federal acredita que Pipoca tenha dormido ao volante, mas não descarta a hipótese de que ele tenha sido vítima de um mal súbito.

 

 

(Vinicios Nogueira, Da Redação)

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password