A morte da empresária Jaiane Molinare Cruz, de 35 anos, causou comoção nos moradores do município de Cametá, na Região do Baixo Tocantins, no Pará, na manhã da última sexta-feira (6). De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima foi assassinada por um homem, identificado como Josias Santos.

Empresária em vida

Imagens de uma câmera escondida da loja de roupas da vítima, instalada dias antes do crime, mostram o suspeito no interior do estabelecimento comercial momentos antes do corpo de Jaiane ser encontrado.

No vídeo, não divulgado pela polícia, o suspeito chega ao local, conversa com a empresária e, em seguida, sai da loja. Instantes depois ele retorna e ataca a mulher. A ação do criminoso é flagrada pela câmera escondida.

Nas redes sociais, o suspeito é conhecido como “Pastor Josias Santos”.

De acordo com o namorado da vítima, Jaiane já tinha comentado sobre o suposto pastor. Ela afirmou ao companheiro que o mesmo pretendia fazer uma oração pelo casal.

Durante a ação, o criminoso levou o celular e pertences da vítima, o que indica que houve latrocínio (roubo seguido de morte). A polícia também foi informada que a jovem estava prestes a fazer investimentos na loja.

O corpo da empresária foi achado dentro do banheiro do estabelecimento da vítima. A mulher apresentava sinais de estrangulamento.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

 

 

 

Fonte: Dol

 

Comments

comments