Parauapebas vende a gasolina mais cara do Pará

A alta acumulada no preço da Gasolina neste mês de setembro já é superior a 4% no Pará aponta novo levantamento feito pelo Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese/Pa). O avanço já vem ocorrendo há quatro semanas.

Segundo o Dieese, o estudo é baseado em dados da Agencia Nacional do Petróleo (ANP).

A constatação chega no mesmo dia em que a Petrobras anunciou mais um reajuste no preço da gasolina nas refinarias de 1,02%.

“Este novo reajuste anunciado hoje, entra em vigor no Pará e em todo o Brasil, a partir de amanhã”, avaliou o Dieese.

Ainda de acordo com o Dieese, a semana passada encerrou com o preço do litro da gasolina sendo comercializado a R$ 4,653 com o menor preço a R$ 4,250 e o maior a R$ 5,240.

Na semana anterior, o preço médio do litro da estava um pouco mais barato e foi comercializado a R$ 4,604 com o menor preço a R$ 4,169 e o maior a R$ 5,240.

O estudo aponta ainda que o município paraense que comercializou o litro da gasolina mais cara foi Altamira com custo em média R$ 5,158, seguido de Abaetetuba R$ 5,048, Conceição do Araguaia R$ 5,002, Alenquer R$ 4,975, Redenção R$ 4,972 e Xinguara R$ 4,971.

Parece que o estudo não comparou o preço da gasolina em Parauapebas. Em relação a Altamira, onde os dados apontam gasolina em média de R$ 5,158, a capital do minério vende em média gasolina de R$ 5,25 por litro. Portanto, Parauapebas é a cidade da gasolina mais cara do Pará.

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password