Parauapebas: Preso o homem que fazendeiros acusam de ter furtado mais de 600 galinhas

Não é todo dia que uma ocorrência desta natureza é registrada em Parauapebas. Na manhã desta quinta-feira (21), policiais militares apresentaram na Delegacia de Parauapebas, Val da Silva Pereira, 44 anos, acusado de ser um exímio ladrão de galinhas caipiras nas comunidades rurais às proximidades do Cedere I.

 

Galinhas seriam vendidas por R$ 30

 

O fazendeiro Darci José de Lima, o Pé no chão, 64 anos, afirma que Val já roubou mais de 200 galinhas em sua propriedade e outras 360 galinhas da propriedade da sua cunhada. “Tem muito tempo que isso está acontecendo, some galinhas direto das terras da redondeza. Como eu tenho um ar condicionado no quarto, na noite de quarta-feira (20) pedi para a mulher deixar desligado para que eu escutasse a ação desse ladrão. Eu ainda o flagrei dentro da minha terra e ele disse que estava caçando tatu. Ele fugiu, mas na manhã desta quinta-feira eu e outros colegas o encontramos, o amarramos e chamamos a polícia”, informou Darci. O fazendeiro ainda acrescentou que em determinado momento, Val da Silva tentou agredir um dos funcionários de Darci com uma barra de ferro.

 

 

Em conversa com a reportagem, Val negou a autoria dos furtos de galinhas. “Eu comprei essas galinhas de algumas pessoas pelo preço de R$ 25,00 e iria vender por R$ 30,00. Eles sabem que estão me acusando sem provas, o próprio leiteiro disse que não me reconheceu como ladrão”, afirmou o acusado.

 

 

Os militares sargento Sobral, sargento Valtônio e cabo Holanda, da patrulha rural, foram os responsáveis por conduzir Val até a Delegacia de Polícia Civil, onde prestou depoimento e ficou à disposição da justiça. Quem precisar acionar a patrulha rural da PM, pode ligar para o telefone (94) 9242-2059.

 

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password