Em Parauapebas, jovem tem cabeça e coração arrancados por criminosos

O jovem João Mateus Sousa da Conceição Silva, de 18 anos de idade, que estava desaparecido desde sexta-feira, 14, foi encontrado morto a golpes de facão neste domingo (16). O achado macabro ocorreu ao final da rua 4, do outro lado do Rio Parauapebas, mais precisamente na mata da reserva floresta de Carajás.

O Papo Carajás acompanhou a situação e observou que a vítima teve a cabeça decepada e o abdômen aberto. A polícia informou que o coração foi retirado e levado pelo assassinos.

O pai da vítima, que pediu para não ser identificado, disse que nunca imaginou ver seu filho naquelas condições. Ele contou que estava na oficina consertando seu caminhão na sexta-feira (14) quando recebeu uma ligação de sua mãe dizendo que 10 indivíduos haviam ido buscar seu filho João Mateus e de lá foram em sentido ao rio Parauapebas. A situação foi registrada por volta das 17 horas daquela dia.

Após incansáveis buscas por parte da família e da equipe do Corpo de Bombeiros, o corpo foi encontrado por volta das 10h30 deste domingo.

O pai do rapaz ressaltou que seu filho tinha problemas psicológicos e tomava remédio controlados, disse ainda que o mesmo tinha passagem pela polícia.

Já a polícia, acredita que o assassinato brutal de João Mateus tenha sido praticado por uma facção criminosa contrária a que ele pertencia.

Após o achado macabro, que teve apoio do Grupo Tático Operacional (GTO), Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Polícia Civil, o corpo foi removido do local pela equipe do Instituto Médico Legal (IML) com apoio da lancha da Defesa Civil e levado até a outra margen do rio, de onde foi encaminhado para exames de necropsia no Centro de Perícia Científica Renato Chaves de Parauapebas.

 

 

(Caetano Sillva)

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password