Um padre da Pensilvânia roubou quase 100 mil dólares (quase R$ 400 mil) em doações de igrejas para pagar homens que conheceu em um aplicativo de paquera. Ele também usou o dinheiro para pagar cartões de crédito pessoais, segundo os promotores.

O reverendo Joseph McLoone, de 56 anos, foi preso por roubo e acusações nessa quarta-feira (21), depois de investigadores revelarem que ele abriu uma conta secreta em 2011 para depositar doações de paroquianos na Igreja Católica St. Joseph, em Downingtown, de acordo com o Gabinete do Procurador Distrital de Chester County.

 

De acordo com o chefe de gabinete da promotoria do condado de Chester, Charles Gaza, “padre McLoone ocupou uma posição de liderança e seus paroquianos confiaram nele para lidar adequadamente com suas generosas doações para a igreja”. “Padre McLoone violou a confiança dos membros do St. Joseph’s para seu ganho pessoal.”

 

McLoone supostamente retirou cerca de 46.000 mil dólares em dinheiro de conta não declarada em Ocean City, Nova Jersey, onde ele é dono de uma casa de praia. Ele também admitiu usar alguns dos fundos para pagar por suas “relações pessoais” com outros homens, incluindo U$ 1.200,00 (mais de R$ 4 mil) de McLoone depositados na conta de comissário de um preso em uma instalação correcional de Nova York.

 

 

Fonte: ORM

Comments

comments