Oficina apresenta a magia do cinema para estudantes do Pará e do Maranhão

A oficina de cinema do projeto Cultura na Praça estacionou no Centro Cultural Parauapebas durante este final de semana. Na agenda, aulas teóricas e a prática da produção cinematográfica. O grande desfecho da ação é a produção de um minidocumentário com orientação de profissionais do cinema de renome nacional.

O projeto conta, pelo segundo ano consecutivo, com o patrocínio da Vale por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e percorre cidades do interior do Pará e do Maranhão. Para a gerente de patrocínios da empresa, Christiana Saldanha, a circulação cultural promove oportunidade e experiências. “Ao patrocinarmos projetos itinerantes, democratizamos o acesso e impulsionamos a descentralização das ações culturais, possibilitando a interiorização e colaboramos para a integração de diferentes regiões do país”, destaca.

Durante quatro dias de imersão os alunos aprendem a produzir, filmar e editar um filme a partir de um processo de investigação sobre o patrimônio cultural (seja material ou imaterial) de cada localidade, com temáticas definidas pelos próprios alunos que produzirão seis minidocumentários (um de cada município). “A intenção é fazer com que os alunos coloquem a mão na massa. Sob orientação dos professores, eles participam de todas as etapas de produção de um filme documentário, desde a escolha do tema a ser investigado, até a montagem final do filme, passando pela introdução às técnicas do cinema, confecção do roteiro, produção e filmagem”, conta Gilberto Scarpa, coordenador do projeto.

Grande nomes do cinema nacional, como o produtor e roteirista, Criz Azzi, e diretor de documentários, André Amparo, ministram as oficinas do projeto Cultura na Praça. Para Azzi, o cinema é uma forma de expressão. “Queremos provocar os alunos a contarem histórias, utilizando recursos audiovisuais. E para isso, o formato documentário é um excelente ponto de partida, possibilitando que eles investiguem a identidade das suas cidades como premissas para o desenvolvimento dos filmes”, complementa.

O projeto já esteve em Ourilândia do Norte e Canaã dos Carajás. A próxima parada é Bom Jesus do Tocantins. Na edição deste ano, além dos municípios do Pará, o Cultura na Praça estará também em Açailândia e Igarapé do Meio, no Maranhão.

 

Oficina é realizada na Casa da Cultura, em Canaã dos Carajás

Além das oficinas, o projeto proporciona ainda sessões de cinema em praça pública e apresentações de artistas locais. Esta agenda será no mês agosto e, antes da exibição do filme de longa-metragem de classificação livre e circulação nacional, serão exibidos os minidocumentários produzidos nas oficinas.

Sobre o Cultura na Praça

É um festival itinerante que leva cinema, apresentações artísticas e oficinas para comunidades do interior do Pará e Maranhão. Em sua primeira edição, (realizada em setembro/2017 e maio/2018) o Cultura na Praça circulou por nove municípios do interior do Pará e Maranhão, beneficiando cerca de oito mil pessoas, com um total de 11 eventos. Além de ocupar os espaços públicos com atividades que reconhecem e valorizam a cultura local, proporcionando aos moradores um momento de lazer e encontro entre as famílias, o projeto leva conhecimento por meio das oficinas.

 

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password