Acabou a novela. Lula se entrega a PF e embarca rumo a Curitiba

Quase 48 horas horas depois de decretada sua prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula tentou deixar o prédio do Sindicato dos Metalúrgicos no carro em que estava ao aldo dos advogados. Lula entrou no veículo às 16h57. O carro, no entanto, não conseguiu deixar o prédio, e Lula teve que voltar para dentro da entidade.

. Centenas de militantes cercaram o carro e não deixaram que se movimentasse. O portão da garagem chegou a ser arrancado. Policiais federais à paisana cercavam o veículo

Outro grupo de militantes continuava no entorno do sindicato. Muitos deles fizeram um cordão de isolamento humano em frente aos portões da garagem para tentar evitar a movimentação de veículos.

No aeroporto de Congonhas, de onde o ex-presidente embarcará para Curitiba, dezenas de apoiadores o aguardam para prestar solidariedade ao líder petista.

No discurso, cercado de aliados que o acompanhavam em cima de um acrro de som, Lula fez um discurso em tom político.

— Vou cumprir o mandado. E vocês vão ter que se transformar. Vocês não vão mais se chamar Chiquinha, Joãozinho, Zezinho, Albertinho. Todos vocês, daqui para a frente, vão virar Lula e vão andar por esse país fazendo o que têm de fazer. Todo dia. Eles têm que saber que a morte de um combatente não para a revolução — disse Lula, durante discurso que se estendeu por 55 minutos.

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password