Homem mata namorada após ser impedido de ver seu celular

 

Um homem foi preso nesta quinta-feira (30) por suspeita de matar a namorada em Goianira (GO). O comerciante de 23 anos contou informalmente à polícia que queria ver o celular da mulher, mas ela o impediu.

João Carlos dos Reis Arantes também disse que fez o disparo achando que não teria bala. Mônica Gonzaga Bentavinne, de 22 anos, morreu após ser atingida por um tiro na cabeça durante uma briga com o namorado.

“Ele disse que era ciumento, pediu para ver o celular dela porque não queria que ela conversasse com mais ninguém. Ela se recusou, ele pegou a arma e deu um tiro para o alto, mas a arma falhou. Ele disse que achou que não tinha mais balas e disparou contra o rosto dela”, afirmou o delegado Bruno Costa e Silva, responsável pelo caso.

O suspeito tentou levar a vítima para o hospital, mas ela não resistiu. O casal estava em um relacionamento há seis meses. O homem foi autuado por feminicídio e a pena varia de 12 a 30 anos de prisão.

 

 

(Fonte: Metrópoles)

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password