Homem espanca mulher até a morte e envia fotos para os amigos no Whatsapp

Um crime bárbaro atordoou os moradores da cidade russa de Lebedyan. Um homem espancou sua mulher até deixá-la em coma e, logo depois, resolver tirar fotos dela enviar para os amigos. Maxim Gribanov, 34 anos, não aceitou o fim do relacionamento com Anastasia Ovsiannikova, 28, e a atacou.

Além de tirar fotos, ele gravou as várias horas em que Anastasia foi espancada. Ao enviar as imagens para grupos de amigos no Whatsapp, ele ironizou dizendo que a esposa estava “sob controle”.

Depois de ser duramente espancada, Maxim a deixou em casa. A jovem, então, usou suas últimas forças e conseguiu ligar para o serviço de emergência. Seis dias depois, ela entrou em coma e morreu.

LEI CONTRA AS MULHERES

Em fevereiro do ano passado o presidente russo Wladimir Putin assinou uma lei controvérsia, que tornou ainda mais difícil agir contra a violência doméstica no país, que é um dos líderes no número de casos de violência doméstica. A lei descriminaliza alguns atos de violência doméstica no país.

Com esta lei, os atos de violência doméstica que não causem ferimentos graves, não obriguem a vítima a procurar tratamento hospitalar ou que não a obriguem a faltar ao emprego ou à escola, são tidos como infrações leves.

Estão incluídas em “ferimentos leves” as agressões que provoquem “abrasões, contusões, feridas superficiais ou lesões dos tecidos moles”, segundo o jornal Moscow Times.

(Fonte: The Sun)

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password