Gesmar cobra melhorias para a BR-158 e quer a emancipação de novos municípios

Utilizando a tribuna da Assembleia Legislativa no último dia 20, o deputado Gesmar Costa apresentou relatório da sua viagem a Brasília, no período de 12 a 15 de março. Na ocasião, o parlamentar esteve presente numa cerimônia que contou com a presença de mais de três mil prefeitos para o lançamento do programa federal “Internet Para Todos”, que visa democratizar o acesso e o uso dessa importante ferramenta de comunicação.

Em semana movimentada em Brasília, no dia 12, Gesmar esteve no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT) solicitando melhorias à BR-158, que liga Redenção ao município de Santana do Araguaia. Em virtude das péssimas condições da rodovia, o deputado cobrou que a estrada entre na pauta de prioridades, “principalmente no que se refere à recuperação das pontes, que estão em estado de calamidade”, reforçou o parlamentar.

Já no dia 14, o deputado assegurou que a inauguração do novo prédio do INSS em Parauapebas está agendado para o dia 11 de maio, entrando, portanto, para a pauta de inaugurações de obras públicas por ocasião do aniversário de 30 anos do município de Parauapebas.

“Já no dia 15 estive em companhia do deputado estadual João Chamon, conversando com a comissão de emancipação, presidida pelo deputado paraense Hélio Leite, tendo ainda o deputado Francisco Chapadinha como membro e Carlos Gaguinho como relator”, informou Gesmar, acrescentando que o relatório que autoriza a criação de novos municípios está sendo “costurado” para que seja aprovado pelo Congresso sem dificuldade. Gesmar lembrou, ainda, que só no estado do Pará, 55 distritos pleiteiam a emancipação e já trabalham nos estudos de viabilidade econômica.

Por fim, o deputado conta que a Rede Celpa está construindo no centro urbano de Parauapebas uma linha de transmissão de alta tensão. “Estive com a direção da empresa no município e recebi a informação que esta linha poderia passar ao longo da área ferroviária que liga Parauapebas a Canaã, entretanto, a mineradora Vale não permitiu. Acho um acinte. Esta empresa recebe as maiores isenções do estado, recebe tratamento diferenciado e não participa de uma contrapartida, que seria permitir a linha de transmissão na sua área de servidão. Esta casa precisa se posicionar sobre isso”.

O deputado finalizou cobrando celeridade no início das obras do presídio masculino em Parauapebas. Segundo ele, a licitação já ocorreu, havendo um recurso, já julgado improcedente, “não há mais nada que impeça o início das obras”. O deputado lembrou que a ala carcerária do Rio Verde tem condições de receber 60 detentos e hoje são mais de 150 presos, “isso é uma bomba-relógio prestes a explodir. A gente chama a atenção por conta da urgência desta situação”, concluiu.

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password