Balneário do “Baixinho” é palco de afogamento

O caso foi comunicado na 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas por José Wilson Estelino Freire, pai da vítima. Segundo ele, a família se encontrava participando de um banho na localidade denominada balneário do “Baixinho”, localizado no bairro São Luis, VS-10, quando por volta das 14h00, de domingo, 29, seu filho José Willian da Silva Freire, de 20 anos de idade, se afogou ao tentar atravessar o rio.

De acordo com o relato, no local existem placas de sinalização indicando perigo, anunciando que em determinadas partes do rio é proibido banhar. José Wilson conta que outro filho, Francisco Anderson da Silva Freire de 26 anos, atravessou o rio, na área onde constava o aviso de “perigo”, momento em que seu outro filho a vítima, José Willian, também foi tentar atravessar para o local onde o irmão dele se encontrava, contudo, o mesmo não conseguiu, instante em que no meio do rio começou a se afogar.

 

José Willian em foto de documento

 

Ainda de acordo com José Wilson, naquele momento ele viu que seu filho estava se afogando e tentou ajudá-lo, mas devido problemas de saúde não conseguiu chegar até a vítima. No decorrer, ele pediu ajuda de pessoas que se encontravam no local.

O irmão da vítima, Francisco Anderson da Silva Freire, 26 anos, retornou do local onde estava e mergulhou no rio com a tentativa de socorrer o irmão, mas não obteve sucesso e quase se afogou também. Vários banhistas também tentaram ajudar no resgate de Jose Willian, entretanto o mesmo submergiu. O corpo do rapaz foi encontrado no final da tarde pelo Corpo de Bombeiros a alguns metros do local onde afundou .

(Caetano Silva)

Comments

comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password